bioplastia clinica médica
Clínica de Bioplastia

Polimetilmetacrilato Estimulador Tecidual

pmma polimetilmetacrilato

Existem três (3) concentrações de produtos, 2%, 10%, 30% do material a ser implantado em PMMA sob forma de esferas sólidas e com superfície lisa. O tamanho varia entre 40 a 50 micras de diâmetro (1mm = 1000 micras). Esta medida é muito importante, pois sendo maior que um macrófago, não permite a absorção pelo organismo, permitindo que utilizemos microcânulas especiais, além de promover uma maior reação tecidual resultado, em um volume maior como preenchedor.

Em uma seringa de 1 ml, a 30%, teremos aproximadamente oito (8) milhões de microesferas de PMMA e, o restante (70%),  é constituído de um gel líquido, que será completamente absorvido pelo organismo, servindo apenas como veículo do PMMA, para que possamos aplicá-lo com microcânulas especiais e atraumáticas. Estas evitam sangramento, minimizam o desconforto na aplicação, não promovem nenhuma cicatriz na pele, e a parte líquida do implante não permite a aglomeração das esferas. Com isso, cada esfera promoverá uma reação que, individualmente, será encapsulada pelo organismo, formando uma cápsula ao redor de cada esfera de PMMA. Esta cápsula é rica em colágeno e tecido conjuntivo que, gradativamente, substituirá por completo o gel pré-existente no produto. Obtém-se, então, como resultado final, um preenchedor formado por 10 a 30 % de microesferas de PMMA, sendo que, o restante, será preenchido com tecido conjuntivo, permanente e rico em colágeno, produzido pelo próprio paciente.

Para o campo do esteticista, além da indicação para o tratamento, esta evolução histológica, de resposta do organismo ao implante, é muito importante para que se possa tratar o paciente sem dúvidas e com segurança. Depois de estabelecida a reação tecidual, com absorção do veículo (parte líquido do implante) e formação de tecido conjuntivo no tecido, é possível realizar todo e qualquer procedimento estético, como massagens modeladora, aplicação de lasers, injeções etc.

O cuidado maior deve ser nos primeiros sete (7) a dez (10) dias, onde a parte líquida do implante ainda não foi totalmente absorvida. A reação tecidual está apenas começando nestes primeiros dez (10) dias, sendo aconselhável evitar exercício com o grupo muscular tratado e evitar qualquer tipo de pressão sobre a área tratada. A exposição solar não teria problema, desde que, o paciente não possua equimose aparente nem edema significativo. O uso de maquiagem pode ser utilizado logo após os tratamentos.

Veja mais sonbre bioplastia facial.

 

Microscopia esferas de pmma. Em 1 ml de biomaterial, a 30%, com esferas de PMMA, a 40 micras de diâmetro, teremos 8 a 9 milhões de microesferas. Notar microscopia com regularidade das esferas de PMMA que são sólidas com superfície lisa.
Seis meses após implantação.
Tecido conjuntivo formado ao redor das microesferas.

 


TOPO